quarta-feira, 29 de abril de 2009

26º Congresso Mineiro de Municípios

Programação do 26º Congresso Mineiro de Municípios

Avenida Amazonas, 6030 - Belo Horizonte

Inscrição feita no local do evento é gratuíta.



Clique nas imagens

O Contador de Histórias na Escola - Curso do Instituto Cultural Aletria


“O Contador de Histórias na Escola” é o mais novo curso do Instituto Cultural Aletria

O Instituto Cultural Aletria acredita que a arte cura, transforma, educa e retira o sujeito do estado em que está para levá-lo a um nível superior de compreensão de si e do mundo. A arte de narrar histórias também possui estas características, além de possibilitar ao sujeito, principalmente na infância, a construção de um pensamento lógico, a inserção no seu contexto cultural e ser agente ativo de construção, atuação e transformação desse contexto.

Seguindo esta linha de pensamento, o Instituto Aletria (Rua Fernandes Tourinho, 470, sala 604, Savassi) está com inscrições abertas para o curso “O contador de histórias na escola”, que será realizado aos sábados, do dia 9 ao dia 30 de maio, a partir das 8h30.

O curso será ministrado pelas contadoras de histórias, Sandra Bittencourt e Zenaide Corrêa, que vão propor a reflexão, apreciação, e prática da construção do professor-artista, para que as histórias não sejam apenas meras ferramentas didáticas, pedagógicas, mas sim um momento em que a arte esteja presente efetivamente na sala de aula.

Para tanto, o curso propõe uma série de atividades práticas e teóricas, durante as quais os professores ou mesmo outras pessoas que se ocupam de educar, poderão ser ouvintes e narradores, construindo os conceitos necessários para redesenhar seu cotidiano escolar através da narração de histórias de uma forma consciente, lúdica, prazerosa e rica de repertório.
A programação inclui: A arte de contar histórias – práticas e vivências pedagógicas; os diversos espaços da narração de histórias na escola; como selecionar histórias para crianças de todas as idades; o leitor e o livro; contos literários e tradicionais; brincadeiras cantadas; preâmbulos e finalizações; técnicas narrativas com músicas, poemas, objetos e bonecos e o corpo, a voz e o repertório do contador de histórias.

O Instituto Cultural Aletria é uma Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Contadores de Histórias, Produtora Cultural e também Editora. Promove cursos, seminários e outros eventos culturais e literários nas áreas de narração de histórias, oratória, capacitação de educadores, projetos específicos para empresas e produção de textos. Tem como principal objetivo preservar a arte de contar histórias, principalmente propagando a tradição oral no Brasil.

AGENDA: Curso “O contador de histórias na escola”
Período: 9 a 30 de maio de 2009 (sábados) // Horário: 8h30 às 12h
Local: Rua São Domingos do Prata, 697 - Santo Antônio – Belo Horizonte - MG
Informações: (31) 3296-7903 ou www.aletria.com.br
Investimento: R$ 150,00 (inclui lanche, pasta, apostila e certificado)
Duração do encontro: 16 horas/aula (4 encontros) – Máximo de 20 alunos
Inscrições até o dia 8 de maio: pelo telefone ou pelo e-mail
aletria@aletria.com.br

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação: Liège Camargos e Rachel Wardi
(31) 3225-1116/3221-9241/8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br
www.amplacomunicacao.com.br

Rachel Wardi Lopez
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3221-9241 - (31) 3225-1116 - (31) 8854-2425
rachel@amplacomunicacao.com.br

terça-feira, 28 de abril de 2009

Mostra Profissões Ufmg - 28 a 30 Abril

A Mostra

A Mostra das Profissões foi criada para que você, aluno do ensino médio, saiba mais sobre as diferentes opções de cursos oferecidos pela UFMG. O objetivo da Mostra é contribuir para que a sua escolha seja mais consciente e segura. A Mostra tem ainda por objetivo ampliar sua visão e perspectivas em relação à universidade e aos diversos campos profissionais.

http://www2.ufmg.br/mostra09/a-mostra

Durante a Mostra das Profissões, os participantes poderão assistir às palestras sobre cursos de graduação e o mercado de trabalho, acompanhar os trabalhos das salas interativas desses cursos e participar de outras atividades.

Em 2009 a Mostra das Profissões será realizada, com programação diferenciada, em dois locais: no campus pampulha em Belo Horizonte e no campus regional da UFMG em Montes Claros.
Como participar
Visitas de Escolas

A Mostra das Profissões é aberta a todas as escolas interessadas. Isso nos impossibilita garantir qualquer reserva de lugares. Entretanto para podermos prever o tamanho do nosso público e dimensionar a infra-estrutura adequada, solicitamos a manifestação prévia do interesse de sua Instituição em participar das atividades programadas.

As Escolas interessadas em organizar visitas à Mostra das Profissões devem agendá-las. Esse agendamento pode ser feito pela internet (clique aqui) ou pelo fax (31) 3409-4568 / 3409-4180 informando os seguintes dados: nome e endereço completo da Escola; número de alunos visitantes; nome do(s) responsável(is); data(s) da(s) visita(s).

Obs: Os agendamentos para as visitas serão encerradas as 17 horas do dia 25/04/2009.
Visitas Individuais

As visitas individuais à Mostra das Profissões não precisam ser agendadas. Basta o interessado se dirigir ao Campus da UFMG na Pampulha (Av. Antônio Carlos, 6627), nos dias 28,29 e 30 de abril de 2009.
Minicursos (Somente em Belo Horizonte)

Durante a Mostra das Profissões, os professores da rede de ensino médio podem assistir a minicursos que são ministrados pelos professores das diversas áreas do conhecimento da UFMG. São programados com duração de 4 horas, oferecidos num mesmo dia e com temas de interesse para os professores de ensino médio.

Inscrição nos Minicursos
Programação

O acesso a toda programação é livre e respeitará a ordem de chegada dos visitantes de acordo com a capacidade de cada sala ou do evento.

Belo Horizonte

Clique aqui para acessar a programação completa de Belo Horizonte
Data e Horário:
28/04 - 8h às 22h
29/04 - 8h às 22h
30/04 - 8h às 18h
Local:

ECI – Escola de Ciência da Informação
Face - Faculdade de Ciências Econômicas
Fafich – Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas
Fale – Faculdade de Letras
ICB - Instituto de Ciências Biológicas

MOVIMENTO DOS SEM UNIVERSIDADE - MG
Blog: www.msu-minas.blogspot.com
E-mail: msuminas@gmail.com
Endereço: Av. Andradas 1º Andar Sala 268,Centro, Belo Horizonte-MG
Horário: 19h às 22h
Telefones: 9745-2996 / 8827-2961 / 8896-6638

Curso Telepresencial de Aperfeiçoamento de Gestores, Técnicos, Conselheiros Municipais e Estaduais da Assistência Social


O Curso Telepresencial de Aperfeiçoamento de Gestores, Técnicos, Conselheiros Municipais e Estaduais da Assistência Social - combina um conjunto de aulas telepresenciais, com estudos individuais à distância e seminários orientados por educadores. A aula telepresencial é uma solução idealizada para qualificar e ampliar a disseminação dos conhecimentos entre os trabalhadores da Assistência Social, em todo o Estado de Minas Gerais, conciliando o potencial das mais avançadas tecnologias da informação, com um sistema pedagógico baseado no conceito de rede, privilegiando a interatividade e a pluralidade na construção do saber.
O Curso deve atingir, em 2009, os 853 municípios do Estado de Minas Gerais e vai beneficiar, diretamente, 2.500 trabalhadores da Assistência Social, no período de abril a setembro de 2009. A primeira aula será no dia 24/04/2009.
O Público alvo do Curso Telepresencial são os Trabalhadores da Assistência Social, nesse caso, entendidos como: gestores responsáveis pela execução da Política de Assistência Social, profissionais que trabalham diretamente com os usuários dos serviços sócioassistenciais, e os conselheiros Estaduais e Municipais da Assistência Social, responsáveis pelo controle da Política de Assistência.

*
Clique aqui para conferir o endereço do seu pólo.

Metodologia

As aulas serão telepresenciais conjugadas com leitura de textos, apoiados em roteiros de estudo que constam do Caderno de Assistência Social. A carga horária total do curso será de 70 horas, distribuídas ao longo das 10 aulas, ministradas de 15 em 15 dias, sempre ás sextas- feiras, das 9h às 17h30.
As turmas serão organizadas em pólos estabelecidos em cidades que facilitem o acesso a participantes de 15 municípios vizinhos, com 30 a 45 alunos por pólo. Cada pólo terá um Facilitador para acompanhar o grupo e desenvolver oficinas relacionadas ao tema da aula. Serão 57 pólos, que vão receber a transmissão das aulas a partir de um pólo central.

OBS: AS DESPESAS COM TRANSPORTE E ALIMENTAÇÃO SERÃO DE RESPONSABILIDADE DO MUNICÍPIO

1ª AULA : Aula inaugural - Desafios da Gestão para Implantação do SUAS
DATA : 24/04/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

2ª AULA : Nivelamento de conceitos básicos do SUAS
DATA : 08/05/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

3ª AULA : Controle Social
DATA : 22/05/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

4ª AULA : Ferramentas de Gestão na implementação do SUAS
DATA : 19/06/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

5ª AULA : Ferramentas de Gestão na implementação do SUAS
DATA : 26/06/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

6ª AULA : A Prática de trabalhar com fundos na Assistência Social
DATA : 10/07/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

7ª AULA : Centro de Referência de Assistência Social -CRAS, CREAS e Rede Socioassistencial
DATA : 24/07/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

8ª AULA : Como construir a Rede Socioassistencial de seu município: Os desafios na oferta de serviços socioassistenciais
DATA : 07/08/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

9ª AULA : Transferência de Renda uma porta de entrada?
DATA : 21/08/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

10ª AULA : Avaliação e Monitoramento da Política da assistência Social
DATA : 11/09/09
CARGA HORÁRIA : 7h (aulas e oficinas)

CONTATOS
MAYRA E GLAZIANE
(031) 3348-4497
capacitacao.subas@social.mg.gov.br
.

Câmara dos Deputados convida Consea para audiência pública

Câmara dos Deputados convida Consea para audiência pública

O Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea) participa nesta quinta-feira (30) de audiência pública na Câmara dos Deputados para discutir o uso de agrotóxicos em alimentos.

A audiência, que acontece às 9h30 no Plenário 13 do Departamento de Comissões da Casa, foi solicitada por requerimentos aprovados em quatro comissões, a partir de dados de pesquisa da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O Consea terá direito a uma exposição de 10 minutos e será representado pelo conselheiro Edélcio Vigna, que é assessor para Políticas de Reforma Agrária e Soberania Alimentar do Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc).

Edélcio falará sobre o conceito de segurança alimentar e nutricional e o papel do Consea, aproveitando o evento pedir aos deputados a aprovação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 47/2003, que tramita na Casa.

A PEC 47, de autoria do senador Antônio Carlos Valadares (PSB-SE), inclui a alimentação no artigo 6º da Constituição Federal. Aprovada no Senado, a proposta tramita no Senado. O Consea realiza uma ampla mobilização nacional pela aprovação da matéria.

Assessoria de Comunicação
(61) 3411.3349 / 2747
www.presidencia.gov.br/consea
ascom@consea.planalto.gov.br

Brazil Promotion Road Show 2009 chega a Belo Horizonte em maio

Brazil Promotion Road Show 2009 chega a Belo Horizonte em maio

Versão itinerante do maior evento de marketing promocional do país, Road Show será realizado pela segunda vez na capital mineira, dia 28 de maio.


Em momentos de crise econômica, como o que estamos vivendo nos dias atuais, é possível identificar empresas que se dão bem no mercado e outras que não conseguem sobreviver. O que difere uma organização da outra? Como transformar a crise em oportunidade?

Para Auli De Vitto, vice-presidente da AMPRO – Associação de Marketing Promocional e diretor da Forma Editora , empresa que promove e organiza o Brazil Promotion, maior feira de marketing promocional do país, a resposta pode estar em duas palavras: inovação e criatividade. “As oportunidades se apresentam a todo o momento, a dificuldade está em identificá-las e estabelecer soluções criativas aos desafios apresentados. É hora de inovar”, desafia.


Este é o foco da Brazil Promotion, realizada anualmente em São Paulo, que apresenta soluções e novidades para os profissionais que realizam campanhas, ações promocionais e eventos corporativos. Desde 2006, a feira ganhou uma versão itinerante, o Road Show, que percorre algumas cidades do país com potencial de negócios para o segmento.

Em Belo Horizonte, o Brazil Promotion Road Show 2009 será realizado no dia 28 de maio (quinta-feira), entre 10h e 21h, no Mercure Hotel (Av. do Contorno, 7315 – Lourdes), com acesso gratuito para profissionais do setor promocional. A expectativa da organização é receber em torno de 500 visitantes.


Esta é a segunda vez que o evento é realizado na capital mineira, a primeira foi em 2007. Em 2009, o Road Show já passou por Campinas (SP) e Rio de Janeiro (RJ).

Belo Horizonte

Para se ter uma idéia do potencial do segmento de marketing promocional, o setor movimentou no país, em 2008, R$ 27 bilhões, representando um crescimento de 17,4% em relação a 2007.. Em Minas Gerais, os números do segmento chegaram a R$ 2,59 bilhões em 2008 sendo que, somente no mercado de Belo Horizonte, o setor movimentou R$ 372,6 milhões. Os dados são da Associação de Marketing Promocional (AMPRO).

O Road Show 2009 reunirá em Belo Horizonte cerca de 40 expositores de brindes, produtos e serviços promocionais e para eventos, soluções gráficas, materiais para merchandising no ponto-de-venda e agências de comunicação..

Paralelo à feira, haverá ainda um seminário com palestras especiais sobre temas relevantes do mercado de marketing promocional. O seminário é pago e opcional. A visitação à exposição é gratuita.

Inovação

Entre os expositores, está a Ashtar Brindes, de São Paulo (SP), que apresentará no Road Show BH 2009 uma caneta Filmadora. Além de filmar, a novidade pode ser usada como pendrive; na apresentação de slides, com laser point e como lanterna.

A Luminati, de Belo Horizonte (MG), também trará novidades tecnológicas para o evento, lançando produtos como pendrives, hubs e até um rádio FM com ventosas para ser usado no chuveiro.

Já a Mallumar, de São Paulo (MG), especializada em bolsas, sacolas, nécessaires, pastas, mochilas, entre outros itens, criou uma linha de produtos ecologicamente corretos, confeccionados com PET, folha de bananeira e algodão cru, que não agridem a natureza e prometem ser a sensação do evento.

Agenda:
Brazil Promotion Road Show Belo Horizonte
Data: 28 de maio (quinta-feira)
Horário: entre 10h e 21h
Local: Mercure Hotel – Av. do Contorno, 7315 – Lourdes
Entrada franca (feira) // Paga e opcional (seminário)
Informações e pré-cadastramento: http://www.brazilpromotion.com.br/
menu Cadastre-se – Visitante Road Show

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação:
Liège Camargos e Marianna Moreira
(31) 3225-1116 / 3221-9241 / 8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br

Marianna Moreira
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3225-1116 - (31) 3221-9241 - (31) 8788-0443
imprensa@amplacomunicacao.com.br

AURUS apresenta “Dia de Shakespeare”

AURUS apresenta “Dia de Shakespeare” em mais um Sarau Gastronômico (30/4)

William Shakespeare é considerado o maior dramaturgo da língua inglesa e um dos mais influentes no mundo ocidental. As peças atribuídas a Shakespeare marcaram praticamente todos os séculos seguintes, começando pelo tempo em que viveu. Muitos de seus textos e temas, especialmente os do teatro, permanecem vivos até os dias de hoje, sendo revisitados com freqüência pelo teatro, televisão, cinema e literatura.


Para apresentar a riqueza desta obra, reforçando o objetivo do Aurus Bar e Restaurante de unir gastronomia e cultura, o Centro de Estudos Shakespeareanos (CESh) foi convidado para apresentar o “Dia de Shakespeare” no Sarau Gastronômico Aurus, nesta quinta-feira, dia 30/4, a partir das 21h, na Rua do Ouro, 1701 – Serra.

Há dez anos, o Centro de Estudos Shakespeareanos, com direção de Aimara da Cunha Resende, apresenta o “Dia de Shakespeare”. Destinado ao público em geral, o evento terá entrada franca, com apresentação de citações e sonetos de Shakespeare, variações sobre o tema das bruxas em Macbeth, e músicas do Renascimento inglês.

Com direção de Marcos Vogel, as atrizes Anna Paula Lirah, Sumaya Costa e Wilma Henriques estarão encarregadas da parte cênica, enquanto os músicos Eduardo Fonseca (flauta doce), Nísia Cruvinel (cravo), Susanna Mattos (flauta doce), e Waldir Gomes (violino), executarão melodias renascentistas.

O Aurus Bar e Restaurante fica na Rua do Ouro, 1701 – bairro Serra, em Belo Horizonte (MG). Para a ocasião especial o restaurante oferecerá, como sugestão para a noite, um menu shakespeareano acompanhado de uma bebida da época em que o dramaturgo viveu. O Aurus funciona de segunda a sexta-feira, das 12h às 15h, e sábado e domingo das 12h às 17h para o almoço. À noite o restaurante funciona, de terça a sábado, a partir das 19h. Para informações e reservas: (31) 3241-6578.

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação:
Liège Camargos e Rachel Wardi
(31) 3225-1116 / 3221-9241 / 8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br

Rachel Wardi Lopez
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3221-9241 - (31) 3225-1116 - (31) 8854-2425
rachel@amplacomunicacao.com.br

Timidez - Novo Sucesso de Carla Cristina

domingo, 26 de abril de 2009

Palestras Gratuitas SEBRAE pela internet

Palestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra GratuitaPalestra Gratuita

Palestra Gratuita

GESTÃO CONTEMPORÂNEA NAS ORGANIZAÇÕES

Agenor Mattiello

Horário de Brasília:
17h10 às 18h40

Saiba mais

Palestra Gratuita

EMPREENDA SUA CARREIRA

Palestrante: Adriana Gregório
Horário de Brasília:
18h50 às 20h20

Saiba mais

Palestra Gratuita

MEI (Micro Empreendedor Individual)
Palestrante: Paulo Edison
Horário de Brasília:
20h30 às 22h00

Saiba mais

COMO FUNCIONA

Na data e horário marcado, o Webcast entrará no ar através da página:
www.PortalEducacao.com.br/sebrae.
Adicione nos seus favoritos!

Para assistir a palestra on-line é necessário o sistema operacional Windows 98/xp/vista, navegador Internet Explorer e Windows Media Player.

Os Webcasts do Portal Educação são transmissões ao vivo, gratuitas e realizadas pela internet por especialistas nos temas apresentados.

CERTIFICADO

O certificado para esta palestra é digital e emitido em PDF logo após a realização do evento.

Para se descadastrar do informativo,
clique aqui.

Palestra Gratuita

Fórum Popular de Educação

CONAE - Fórum Popular da Educação da Grande Tijuca (SESC - 07.05.09)


Maurício França Fabião

Sociólogo > Gestor > Núcleo de EducAção
Telefones: (55 21) 2233-7460 2253-8177
Ação da Cidadania contra a Fome, a Miséria e pela Vida
Avenida Barão de Tefé, 75, Saúde, Rio de Janeiro, RJ, 20.220-460
http://www.acaodacidadania.com.br/
mauriciofranca@acaodacidadania.com.br

Fórum Popular de Educação

A Campanha Nacional pelo Direito à Educação convida educadores e educandos de escolas, comunidades, entidades, movimentos e universidades para a primeira etapa da Conferência Nacional de Educação do Rio de Janeiro (CONAE-RJ).

O QUE: Construir propostas para melhorar a educação.

QUEM: Vereador Reimont (Presidente da Comissão de Educação e Cultura da Câmara Municipal do Rio de Janeiro) e Maria Tereza Avance (Universidade Cândido Mendes).

COMO: Café da manhã, filme, mesa de abertura, eixos da CONAE, trabalho em grupo (propostas).

QUANDO: 07 de maio de 2009 (quinta) > 9h00 às 13h00.

ONDE: SESC Tijuca (R. Barão de Mesquita, 539, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ – próximo à Praça Sans Peña).

Evento gratuito Classificação etária: Livre
Inscrições: (21) 2233-7460 mauriciofranca@acaodacidadania.com.br
Info: http://www.campanhaeducacao.org.br/

Lançamento revista "Polichinello" e livro "Apenas Blanchot!"


Clique na imagem

Convite evento Comunicação e Crise


Clique na imagem

Ávore dos Poemas - Lançamento do livro Grãos Ao Alto

Grãos ao Alto! – livro de poesias será lançado na Usina das Letras, em BH

Fugindo à tradicional organização por temas, o livro traz poemas distribuídos aleatoriamente, como grãos jogados no papel

Na próxima terça-feira, 28 de abril, a partir das 19h30, na Livraria Usina das Letras, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte, o público poderá conferir o lançamento do livro “Grãos ao Alto!”, do escritor pernambucano Múcio de Lima Góes.


A ser lançado pela Editora Árvore dos Poemas, do artista mineiro Diovvani Mendonça, e fugindo à tradicional organização por temas, o autor traz em seu livro poemas distribuídos aleatoriamente, como grãos jogados no papel.

“Eles foram “jogados” como grãos e onde caíram, lá estão, com a intenção de causar surpresas ao virar das páginas, assim espero”, conclui Múcio. O poeta, que mora em Recife, conseguiu pousar seus versos no papel, estes que, desde meados de 2004 flutuavam em céus virtuais. Em seu segundo trabalho - Grãos ao Alto! -, o escritor segue com o adorável exercício de semear poesia pelos ares.

Com entrada gratuita, o evento acontecerá após o “Terças Poéticas” e é uma realização do projeto “Árvore dos Poemas, com o apoio do Pão e Poesia – em qualquer esquina, em qualquer padaria, Viva Poesia, Poesia Viva e da Sociedade Mutuante.

Sobre o autor: Múcio é natural da cidade de Palmares, conhecida como "Terra dos Poetas", berço de Ascenso Ferreira, Hermilo Borba Filho, Juarez Correia, Luiz Berto, e tantos outros. Em março de 2008 o poeta palmarense lançou o seu primeiro livro, “O avesso e o verso”, pela Editora Nossa Livraria. Saiba mais sobre o autor acessando o endereço eletrônico http://www.traversuras.blogspot.com/

Sobre a Editora Árvore dos Poemas: idealizada pelo artista mineiro Diovvani Mendonça, trata-se de uma pequena editora, que, em 2008, lançou o livro PRIMEIRAPESSOAPLURAL, do poeta Lecy Pereira, que é bibliotecário de uma escola no bairro Nova Contagem, em Contagem. Para 2009, o lançamento do livro “Grãos ao Alto!” marca, também, o segundo empreendimento da editora, através da Árvore dos Poemas – iniciativa que abriga vários projetos ligados à poesia. Para saber mais, acesse os endereços eletrônicos http://www.diovmendonca.blogspot.com/ (poeminhas para matar o tempo e distrair dor de dente) e o http://www.paopoesia.blogspot.com/ (Pão e Poesia – em qualquer esquina, em qualquer padaria; e Pão e Poesia na Escola).

SERVIÇO:
Data: 28 de abril de 2009 (terça-feira)
Horário: A partir das 19h30
Local: Livraria Usina das Letras
Endereço: Avenida Afonso Pena, nº 1537 - Foyer interno do Palácio das Artes – BH
Informações: (31) 3222-1317
ENTRADA GRATUITA

Diovvani Mendonça
acesse e conheça:
poeminhas para matar o tempo
e distrair dor de dente.
toda semana um poema inédito.
http://www.diovmendonca.blogspot.com/

Clique na imagem

UNESCO, Intervozes, LAPCOM/UnB e NETCCON/UFRJ em parceria incentivam indicadores de comunicação no BR

Parceria debaterá indicadores de comunicação no Brasil:

UNESCO, Intervozes, LAPCOM/UnB e NETCCON/UFRJ incentivarão discussão sobre o tema

http://www.brasilia.unesco.org/noticias/ultimas/parceria-debatera-indicadores-de-comunicacao-no-brasil

Brasília, 20/4/2009 – A UNESCO acaba de fechar uma parceria com três organizações brasileiras para aprofundar no país o debate sobre indicadores de comunicação. A iniciativa tem como base o documento do Programa Internacional para o Desenvolvimento da Comunicação (IPDC)/UNESCO que trata de indicadores de desenvolvimento da mídia.

O objetivo, no Brasil, é estender esta discussão também para o campo de indicadores do direito humano à comunicação a partir de uma pesquisa sobre o tema desenvolvida nos últimos anos pelo Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social. Além do Intervozes, são parceiros do novo projeto o Laboratório de Políticas de Comunicação da Universidade de Brasília (LAPCOM) e o Núcleo de Estudos Transdisciplinares de Comunicação e Consciência da Escola de Comunicações da Universidade Federal do Rio de Janeiro (NETCCON).

A ideia é promover o conhecimento e o debate público sobre este tema, buscando identificar os desafios de implementação, mapear possíveis instituições parceiras e construir legitimidade para a proposta a partir do diálogo com as diversas organizações e instituições ligadas à comunicação, incluindo o Poder Público, empresas e a sociedade civil organizada. A iniciativa é fundamental diante da ausência de referências objetivas para mensurar o grau de desenvolvimento da mídia e de efetivação do direito humano à comunicação no Brasil.

Será dada ênfase especial a universidades e estudantes de jornalismo, com a realização de debates sobre o tema em três capitais do país. Também está prevista a realização de um seminário internacional destinado a validar uma proposta de indicadores com a participação de especialistas e membros do IPDC.

A indicação do IPDC é que em cada país devem ser construídos indicadores que, ao mesmo tempo, respondam ao quadro de referência proposto pela instituição e dialoguem com a realidade local. Neste momento, o programa busca promover, em âmbito mundial, o desenvolvimento e a aplicação piloto desses indicadores. A intenção das quatro instituições parceiras é viabilizar, no futuro, a aplicação destes indicadores no Brasil.

Política Nacional de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos

Convidamos para participar conosco da referida atividade (carta convite em anexo).

Política Nacional de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos
(apresentação da proposta para movimentos sociais, lideranças e agentes com atuação voltada para os Direitos Humanos)

Expositores/articuladores:
- Secretaria Especial de Direitos Humanos: Fernando Matos (coordenador do Programa Nacional)
- Movimento Nacional de Direitos Humanos
- Movimento Nacional de Direitos Humanos - Regional Minas Gerais

Data: 29 de abril de 2009 (4ª feira)
Hora: 09:30 às 12:00 horas
Local: Conselho Regional de Psicologia Minas Gerais (Timbiras, 1532, 6º andar, Lourdes - BH/MG)
Evento gratuito

Outras informações
(31) 8882 9636 (Conselheiro do MNDH MG Braulio Magalhães)
(31) 2138 6767 / 6754 (CRP MG / Apoio às Comissões)

Atenciosamente,
Dinacarla Gonzaga
Conselho Regional de Psicologia / Comissão de Direitos Humanos
Secretaria Executiva do MNDH MG (gestão 2008/2010)


POLÍTICA NACIONAL DE PROTEÇÃO AOS DEFENSORES DE DIREITOS HUMANOS

Apresentação

Durante as comemorações dos 50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 1998, as Nações Unidas reconheceram enfaticamente que era necessário proteger aqueles que em todo o mundo se tornam o suporte fundamental para a efetivação desses direitos: os Defensores dos Direitos Humanos. Por isso, em 9 de dezembro de 1998, a Assembléia Geral das Nações Unidas aprovou a Resolução 53/144, como a Declaração dos Direitos e Responsabilidades dos Indivíduos, Grupos e Órgãos da Sociedade para Promover e Proteger os Direitos Humanos e Liberdades Individuais Universalmente Reconhecidos.

Os Defensores dos Direitos Humanos são pessoas que se dedicam à árdua tarefa de lutar incansavelmente pela ética, democracia, valores humanitários, justiça social, observando e clamando pelos compromissos firmados internacionalmente em Direitos Humanos. Por compreender a importância de suas militâncias e a necessidade de s e criar condições e instrumentos para proteger essas pessoas, a Secretaria Especial dos Direitos Humanos lançou, em 2004, o Programa Nacional de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos (PPDDH).

Diante do quadro de vulnerabilidade e ameaças sofridas pelos nossos Defensores dos Direitos Humanos e da demanda por parte da Sociedade Civil pela institucionalização e garantia da proteção a esses cidadãos, em fevereiro de 2007, o Decreto Presidencial n.6.044 criou e aprovou a Política Nacional de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos. Ao longo do ano, os trabalhos da Coordenação-Geral do Programa moveram-se em direção ao estabelecimento do consenso entre as demandas trazidas pela Sociedade Civil e as ações governamentais, na ampliação da sua Rede de Proteção, com parcerias estaduais, Defensorias Públicas, Ministério Público, Judiciário, órgãos governamentais e Sociedade Civil organizada. Naquele ano, com amplos debates sociais, o PPDDH avançou em seu marco legal e em seu manual de procedimentos.

Tendo como pilares a articulação e integração, prevenção, enfrentamento e investigação das violações aos Direitos Humanos dos Defensores e Defensoras, o PPDDH objetiva no ano de 2008 o encaminhamento do Projeto de Lei que institucionalizará e estabelecerá regras para a Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos Ameaçados, a ampliação para mais duas Unidades Federativas da Rede de Proteção, atentando para a conclusão do Diagnóstico Nacional da situação dos Defensores dos Direitos Humanos.

Realça-se, sobretudo, o desafio junto à cooperação internacional de fomento de políticas públicas que busquem prevenir as violações sofridas pelos defensores brasileiros dos Direitos Humanos de todos, ademais, projetos de cooperação de intercâmbios de experiências internacionais e estrangeiras exitosas na proteção dos defensores, nomeadamente em âmbitos regionais, inte ramericano e europeu.

Atualmente, o PPDDH possui implementados três projetos pilotos nos estados, são eles: PA, PE e ES, e avança para sua implantação no estado do MT e no PR. São ao todo 45 defensores ameaçados abrigados sob alguma medida protetiva do PPDDH.

Cumpre destacar dentre as características desse Programa Nacional a transversalidade de sua tarefa. O Programa transita em meio à diversidade dos variados problemas que assustam os Direitos Humanos em território nacional. Sob sua premissa de política descentralizada e respeitadora do Pacto Federativo e do princípio democrático e participativo, o PPDDH sob estreita interlocução com a Sociedade Civil organizada busca garantir o trabalho dos militantes sociais e governamentais que defendem o direito à terra, à saúde, ao trabalho digno, combate a qualquer forma de discriminação, combate à tortura, ao tratamento desumano ou degradante, tem ações interventivas no combate ao tráfico de p essoas, nas garantias aos direitos das populações indígenas, na consolidação dos direitos das mulheres defensoras e incursões nos direitos civis e políticos, asseverando as liberdades de expressão e manifestação.

O PPDDH é uma das ações mais complexas da Secretaria Especial dos Direitos Humanos que permeia e busca combater uma multiplicidade de causas e violações dos direitos humanos no Brasil, reafirmando recomendações e compromissos com a sociedade brasileira.

Programa Nacional de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos
Tel.: (61) 3429-3674
fernando.matos@sedh.gov.br

Após manifestação, projeto de cotas deve enfim ser votado no Senado

Após manifestação, projeto de cotas deve enfim ser votado no Senado

O projeto de lei que institui cotas raciais e sociais em escolas técnicas e em universidades federais pode afinal ser votado na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado na próxima semana. A novidade surgiu da fala dos senadores Paulo Paim (PT-RS), Serys Slhessarenko (PT-MT) e Eduardo Suplicy (PT-SP) durante o Ato Público em Defesa da Aprovação do PLC 180/2008, realizado na tarde desta quinta-feira, 23/04, no Congresso Nacional.

Presente à manifestação, promovida pelo Comitê Brasileiro em Defesa da Aprovação do PLC 180/2008, o coordenador geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Daniel Cara, acredita que a CCJ está perto de chegar a um consenso e acatar a matéria com a reserva de vagas para negros e indígenas. Um balanço das opiniões expressas pelos parlamentares nas audiências públicas promovidas pela Comissão para debater o PLC em 18 de março e em 1º de abril mostra que os senadores favoráveis ao projeto somam 15 votos, três são contrários e um estava indeciso. O texto foi aprovado na Câmara em 20 de novembro de 2008 e deve passar ainda por outras Comissões no Senado após a votação na CCJ.

O ato – O ato “A Diversidade e a Escola Pública Pedem Passagem na Universidade Pública de Qualidade” teve ampla cobertura da imprensa e contou com a participação de outras entidades e movimentos sociais como a Apib (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil), a Associação Baha-i, o Cimi (Conselho Indigenista Missionário), o Cinep (Centro Indígena de Estudos e Pesquisas), a CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação), a Coaib (Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia), a CUT (Central Única dos Trabalhadores) – representando seis centrais sindicais, a Educafro, a Marcha Mundial das Mulheres, o MSU (Movimento dos Sem Universidade), a Ubes (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas) e a UNE (União Nacional do Estudantes).

A mobilização fez parte das atividades da Semana de Ação Mundial 2009, que acontece de 22 a 29 de abril em todo o mundo para pressionar governos a efetivarem o direito à educação pública de qualidade para todos e todas e no Brasil é coordenada pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação. O ato de hoje demandou a garantia do acesso à educação de qualidade e à aprendizagem ao longo da vida para negros e indígenas e fez referência à Conferência de Revisão de Durban (20 a 24 de abril, Genebra), que reafirmou a declaração e o plano de ação da Conferência de Durban contra o Racismo, a Discriminação, a Xenofobia e as Intolerâncias Correlatas, que aconteceu em 2001 na África do Sul.

Fontes para a Imprensa:

* Sérgio Custódio – articulador do Comitê Brasileiro em Defesa da Aprovação do PLC 180/2008 e coordenador nacional do Movimento dos Sem Universidade;

* Daniel Cara – coordenador geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.

Contato:
Diones Soares
Telefones - (11) 8737-2011 / 3151-2333 r. 140 / (61) 8199-0831 em Brasília nos dias 27 e 28 de abril
E-mail - diones@campanhaeducacao.net

MOVIMENTO DOS SEM UNIVERSIDADE - MG
Blog: www.msu-minas.blogspot.com
E-mail: msuminas@gmail.com
Endereço: Av. Andradas 1º Andar Sala 268,Centro, Belo Horizonte-MG
Horário: 19h às 22h
Telefones: 9745-2996 / 8827-2961 / 8896-6638

Montal Folia - Sucesso Absoluto



:: Fernando Abreu - Jornalista
Um sucesso. Assim foi considerado pela grande maioria do público o Montal Folia 2009, o carnaval fora de época que animou Montalvânia nos dias 18, 19 e 20 de abril.

De acordo com a Polícia Militar aproximadamente 15 mil pessoas estiveram na cidade durante os três dias de folia e nenhuma ocorrência grave foi registrada. Segundo o Sargento da Polícia Militar, José Luis Barbosa, a festa transcorreu bastante tranquila, sem maiores tumultos, acidentes, assaltos e outros crimes, bastantes comuns na região.
- Montalvânia já está conhecida pela qualidade de seus eventos festivos e pela segurança e tranquilidade. Isso é muito bom para a cidade e os visitantes. A cada ano essa fama aumenta e isso só faz crescer o nome do evento. Pudemos trabalhar tranquilos, pois, nada de grave aconteceu, até os tumultos e brigas que sempre acontecem em multidões como essas foram menores e logo apaziguados, afirma o sargento.

Muita gente bonita

Hotéis lotados, restaurantes, bares, lanchonetes e as ruas, com muita gente bonita, estiveram movimentadas durante os três dias de folia. E a paz e a tranquilidade reinaram absolutas.

- Nunca vi tanta gente bonita reunida em festas aqui na região como tem em Montalvânia, homens e mulheres. Mas desta vez a quantidade de homesm bonitos superou. Disse a baiana Denise Borges, da cidade de Coribe.
Bloco, trio elétrico, shows no palco, veloterra, desfile das escolas, cavalgada e as águas refrescantes do rio Cochá, foram as principais atrações deste ano. O que agradou muita gente e superou as expectativas de todos, inclusive da organização.

- Confesso que fiquei meio desanimada no início. Com esta crise econômica mundial que assola as prefeituras achei que a festa não teria o mesmo brilho das anteriores. Mas que nada, achei a deste ano muito melhor que a do ano passado. Mais animada e com mais gente bonita. Montalvânia é uma cidade muito boa, o povo é super acolhedor e a festa bastante organizada e tranquila. Quero vir todos os anos, declara a enfermeira Alécia Soares, de Itacarambi.

Estrada ruim não é empecilho

A maior reclamação ainda continua sendo a situação das vias de acesso á cidade, principalmente o trecho da BR-135, de Manga a Montalvânia, e da BR – 030, no trecho entre Santa Maria e Montalvânia. Mas chegando à cidade tudo isso é esquecido. Todos ficam encantados com a beleza do lugar, organização impecável, shows de alto nível, pessoas receptivas e o mais importante, a tranquilidade.

- Venho de Brasília todos os anos. E sempre trago amigos para conhecerem a cidade. Considero Montalvânia o melhor lugar do mundo. Quando chego aqui me
renovo, encontro minha família, amigos queridos e muita animação. Não é a distância e as estradas ruins que me farão deixar de vir. Nunca. Declara Olívia Reis Mesquita.

Clima familiar

Pessoas de perto como Manga, Cocos, Coribe, Itacarambi e outras da região e também visitantes de lugares mais distantes como Montes Claros, Uberaba, Belo Horizonte, Goiânia, Brasília e Salvador também vieram curtir a festa. E foram unânimes em dizer que a festa foi ótima.

- Um clima familiar. Isso que senti aqui em Montalvânia. As pessoas se conhecem, se cumprimentam e são corteses umas com as outras, assim defino esta maravilhosa cidade. Há três anos que venho aqui, sempre com amigos que são da cidade e
acho que a maior qualidade da festa e da cidade são as pessoas, declara Sérgio Melo, que veio de Goiânia GO.

Comparações

Alguns compararam a festa deste ano com a do ano passado, sentindo falta do grande número de pessoas – cerca de 30 mil, conforme a PM -, e bandas de mais nome, mas outros já disseram ter gostado mais da deste ano, justamente por ter menos gente.

- Preferi a deste ano, sem dúvida. É claro que a do ano passado foi mais grandiosa, mais gente, bandas mais famosas. Mas em termos de animação preferi esta. Estava mais divertida, mas tranqüila, sem os furtos da outra. A decoração esta muito mais bonita e o bloco mais animado. As bandas foram ótimas, nada a reclamar.
Gostei muito. E ainda mais com esta crise, achei que não seria tão boa assim. Superou minhas expectativas, todos estão de parabéns pelo empenho na organização, sei que não, é fácil, comenta a aposentada Maria de Lourdes Santos de Brasília DF.

Agradecimentos e desculpas

A organização da festa agradece a presença de todos e pede desculpas pela demora na divulgação da programação. Culpa da crise econômica mundial, que fez com que os recursos do FPM – Fundo de participação dos municípios, fossem diminuídos, ficando assim a prefeitura impossibilitada de realizar um evento mais grandioso e com divulgação mais intensa como aconteceu no ano passado.

- Agradecemos a presença de todos e pedimos que nos entendam. Quase não conseguimos realizar esta festa por falta de recursos.
Mas com muita garra e vontade fizemos acontecer uma das melhores e mais animadas festas que a população e vistantes pôde ver aqui na cidade. Garantimos um evento ainda melhor e de mais qualidade para os próximos anos. Muito obrigado a todos pela presença e voltem sempre. Montalvânia estará sempre de braços abertos para receber todo e qualquer visitante, encerra o prefeito da cidade, José Aparecido Correa Lisboa.

Carta de reivindicações sobre situação de EJA será levada à Confintea

Carta de reivindicações sobre situação de EJA será levada à Confintea




Clique nas imagens


Aula Pública no Congresso Nacional debate déficits de leitura, taxas de analfabetismo e situação de EJA no Brasil em pleno Dia da Educação.

Uma Aula Pública será realizada na tarde da terça-feira, 28/04, às 14h30, no gramado ao lado da rampa do Congresso Nacional para debater o enorme déficit educacional em relação aos índices de leitura, analfabetismo e EJA (Educação de Jovens e Adultos) no Brasil (leia o convite). Uma carta gigante com as reivindicações da sociedade será entregue às autoridades para que seja levada à VI Confintea (Conferência Internacional de Educação de Adultos), que acontece em Belém-PA, de 19 a 22 de maio.

O evento faz parte da Semana de Ação Mundial 2009 e será realizado pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, em parceria com a CEC. Atualmente, um em cada dez brasileiros com mais de 14 anos de idade é analfabeto e mais de 77 milhões de pessoas não desenvolveram o hábito da leitura no Brasil. De acordo com o coordenador geral da Campanha, Daniel Cara, os dados não são novos, mas refletem uma realidade que pouco tem obtido avanços no país.

São mais de 14 milhões de pessoas sem saber ler e escrever, 53% (7,6 milhões) só na região nordeste. Negros e moradores de zonas rurais são em geral mais afetados pelo analfabetismo que brancos e residentes urbanos. Cerca de 40 milhões de brasileiros não se interessam por leitura e outros 25 milhões não têm acesso a bibliotecas ou dinheiro para comprar livros. Menos de 30 dos mais de 1,5 mil cursos de pedagogia do país destinam atenção específica à formação de educadores de jovens e adultos. Nos presídios brasileiros, 330 mil jovens e adultos não completaram a educação básica. Os dados são da Pnad-IBGE/2006, do Instituto Pró-Livro/2007, da Unesco/2008 e da Relatoria Nacional para o Direito Humano à Educação/2009 (clique e veja dados mais detalhados).

Aula pública – O evento terá como expositores Ana Lúcia Lima, do Instituto Paulo Montenegro; Denise Carreira, da Relatoria Nacional para o Direito Humano à Educação; Elizabete Ramos, dirigente da Campanha Nacional pelo Direito à Educação; Sérgio Haddad, da ONG Ação Educativa do Fisc (Fórum Internacional da Sociedade Civil pró-Confintea) e Timothy Ireland, organizador da Confintea, da Unesco. Os trabalhos serão coordenados pela presidenta da Comissão de Educação e Cultura da Câmara, Maria do Rosário (PT-RS).. A deputada é delegada oficial do Estado Brasileiro na Confintea e será a responsável por levar a carta gigante ao evento internacional.

Personagens - Haverá ainda depoimentos sobre o impacto da leitura e da escrita na vida das pessoas, como a do professor cego voluntário da Biblioteca Braille Dorina Nowil, Nivaldo Alves dos Santos (60 anos) e dos educadores Maria Alice de Paula e Ionilton Gomes de Aragão, do Mova (Movimento de Alfabetização de Jovens e Adultos). A audiência pública contará ainda com a animação de cordelistas.

Relatório sobre educação nas prisões – Durante a Aula Pública será entregue informe parcial a respeito da missão realizada pela Relatoria Nacional de Educação entre setembro de 2008 e fevereiro de 2009 sobre a situação da educação nas prisões brasileiras.

A Semana de Ação Mundial – A Semana 2009 no Brasil acontece entre 22 e 29 de abril e trabalha esse ano com o tema “Alfabetização de jovens e adultos e aprendizagem ao longo da vida” e o slogan “Ler e escrever o mundo”. O evento engloba duas importantes datas do calendário educacional: o Dia Mundial do Livro (23) e o Dia da Educação (28). Além da aula pública no Congresso Nacional, outras atividades serão realizadas em diversos estados pelos comitês locais e por parceiros da Campanha. Até o momento já há ações confirmadas na Bahia, no Ceará, no Distrito Federal, em Minas Gerais , em Pernambuco, no Pará, no Piauí, no Rio de Janeiro, no Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e em Santa Catarina (confira a lista de atividades). No site www.campanhaeducaca o.org.br é possível baixar o folder, o cartaz e o Manual de Orientações produzidos pela Campanha para as atividades.

Fontes para a Imprensa:
» Daniel Cara – coordenador geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação;
» Timothy Ireland – especialista em Educação de Jovens e Adultos da Unesco e organizador da VI Confintea;
» Maria do Rosário – presidenta da Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados;
»Sérgio Haddad - coordenador da ONG Ação Educativa;
»Elizabete Ramos – educadora do Centro de Cultura Luiz Freire e dirigente da Campanha Nacional pelo Direito à Educação;
»Ana Lúcia Lima – diretoria executiva do Instituto Paulo Montenegro;
»Denise Carreira – relatora da Relatoria Nacional para o Direito Humano à Educação.

Contato:
Diones Soares
Telefones - (11) 8737-2011 / 3151-2333 r. 140 / (61) 8199-0831 em Brasília nos dias 27 e 28 de abril
E-mail - diones@campanhaeducacao.net

Instituto Ester Assumpção - Ciclo de Palestras

Instituto Ester Assumpção retoma Ciclo de Palestras e Inclusão

O Instituto Ester Assumpção – organização não governamental (ONG)- retoma nos dias 29 e 30 de abril, às 19 horas, as atividades do Ciclo de Palestras voltadas para educadores, profissionais, agentes sociais e familiares que atuam com crianças com deficiência.

As atividades, que fazem parte do Projeto Educação Infantil Inclusiva, serão realizadas no Auditório da Prefeitura de Betim, à Rua Pará de Minas-640-Centro. Toda a programação é gratuita, e tem o objetivo de propiciar a reflexão em torno da inclusão e, ao mesmo tempo, reduzir o índice de crianças com deficiência fora da rede de educação pública e particular no município de Betim.

O Instituto Ester Assumpção é um dos pioneiros no Brasil, em mapear, no âmbito da política municipal, a realidade da pessoa com deficiência. O resultado dos dados deste diagnóstico originaram o Mapa de Betim. Trata-se da radiografia da deficiência na cidade; bem como a conjuntura de acesso ao mundo do trabalho - como prevê as normativas trabalhistas de inclusão da pessoa co deficiência (Lei Federal nº 8213/91)

Deficiência auditiva na educação

A palestra que inicia o ciclo 2009 acontece no dia 29 de abril com o tema EDUCAÇÃO INFANTIL INCLUSIVA e Deficiência Auditiva: Construindo Práticas Pedagógicas. O conteúdo será proferido pela pedagoga e instrutora de braile Renata de Castro Bello Domingues.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) existem, no Brasil, cerca de 5,7 milhões de pessoas com deficiência auditiva. Na realidade da educação, o Censo Escolar (2004) mostra que 87% das crianças com deficiência auditiva estão fora da escola. Dados do Mapa de Betim, realizado pelo Instituto Ester Assumpção, apontam cerca de 8% da população com deficiência, na cidade, convivendo a limitação auditiva.

No dia 30 de abril acontece a Sessão Comentada do filme “Filhos do Silêncio” de Randa Haines. O filme levanta a reflexão sobre o sistema educacional ter métodos pedagógicos que incluam a criança com deficiência auditiva. De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) brasileira, a escola pública e/ou particular deve estar preparada para trabalhar na perspectiva da pedagogia da inclusão.

O Projeto Educação Inclusiva

O projeto teve início no ano de 2008, e será concluído em 2010. Uma das atividades do projeto é proporcionar aos profissionais da área de educação infantil, agentes sociais e familiares que atuam diretamente com crianças, o envolvimento no debate sobre a temática da inclusão escolar e os desafios referentes à construção de novas práticas pedagógicas.

Para a psicóloga e analista de pesquisa e projetos Instituto Ester Assumpção Fabíola Patrocínio, coordenadora da atividade, os Ciclos de Palestras vão contribuir na qualificação dos educadores na ação direta com o deficiente. Ela explica que “ao propor o Projeto Educação Infantil Inclusiva, o Instituto quer ser co-participante na efetivação da política de inclusão”.

Desafios

A compreensão do universo da pessoa com deficiência exige ações efetivas como o avanço nas políticas públicas e mudança comportamental na sociedade. Esta envolvendo poder público, empresas e entidades; e se estendendo para os lugares onde vive diretamente o deficiente: família, escolas, igrejas, dentre outros. Para a coordenadora do evento está na escola um dos grandes desafios. “Necessidade de re-significar práticas tradicionais e excludentes” é o caminho apontado por Patrocínio para a promoção da inclusão. Ela chama a atenção para a necessidade de construir novos modos de relações, novos valores que apontem na valorização e respeito à subjetividade de cada indivíduo.

Quando questionada sobre a política pública betinense, ela classifica como incipiente. Patrocínio percebe a abertura e sensibilidade das entidades de educação infantil e creches, mas entende que a política não pode ficar só na “boa vontade”.. A cidade deve assumir a temática da deficiência, avançar nas políticas públicas e pensar de forma efetiva a capacitação dos profissionais. Neste sentido, a coordenadora do evento chama a atenção “os educadores precisam de formação técnica e, em muitos casos, essas instituições se sentem solitárias na realização do trabalho”.

SERVIÇOS:

CICLO DE PALESTRAS

· EDUCAÇÃO INFANTIL INCLUSIVA e Deficiência Auditiva: Construindo Práticas Pedagógicas.
Dia 29 de abril, às 19 horas

· Filme FILHOS DO SILÊNCIO em Sessão Comentada

Dia 30 de abril, às 18horas

Local da Palestra e Sessão Comentada:
Auditório da Prefeitura de Betim - à Rua Pará de Minas nº 640 Bairro Centro

INSCRIÇÕES E INFORMAÇÕES:
Fone: 3592 1011
(Instituto Ester Assumpção)

Obs.: As palestras são gratuitas e têm vagas limitadas.

CICLO DE PALESTRAS - Próximos encontros em 2009

20/05 Educação infantil inclusiva e deficiência visual:construindo práticas pedagógicas

17/06 Educação infantil inclusiva e deficiência mental: construindo práticas pedagógicas

22/07 Educação infantil inclusiva e deficiência motora: construindo práticas pedagógicas

19/08 Educação infantil inclusiva e deficiência múltipla: construindo práticas pedagógicas

23/09 Educação infantil inclusiva - Ensinando a turma toda

21/10 Educação infantil inclusiva e Psicomotricidade: construindo estratégias de intervenção

18/11 Educação infantil inclusiva: desafios e possibilidades

11/12- Seminário de Encerramento

Sugestão de Fonte:
Fabíola Fernanda do Patrocínio - psicóloga, analista de pesquisa e projetos do Instituto Ester Assumpção e coordenadora do evento
Fone: (31) 3592.1011
Cel.: (31) 9198.0652

Assessoria de Comunicação:
Antônio Coquito – Jornalista Profissional MG06239JP
Fone: (31)3592.1011 (31)9771.7874

sexta-feira, 24 de abril de 2009

TOC é tema de palestra gratuita da médica Soraya Hissa de Carvalho

TOC é tema de palestra gratuita da médica Soraya Hissa de Carvalho (4/5)

Nada de mania ou superstição, o Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) é uma doença grave, sendo o segundo distúrbio psíquico mais comum no planeta. De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), esse transtorno atinge cerca de 3% da população do mundo. No Brasil, estima-se que 4,5 milhões de pessoas sofram com esse mal.

Para explicar mais sobre a doença, a médica e psicanalista, Soraya Hissa de Carvalho, promove palestra gratuita sobre “Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC)”, no dia 4 de maio (segunda-feira), às 20h, na Associação Médica de Minas Gerais (Av. João Pinheiro, 161- Centro). A entrada é franca mediante a doação de um quilo de alimento não perecível, que será doado para uma entidade beneficente.

Segundo Soraya, O TOC é um transtorno psiquiátrico bastante comum, que se caracteriza por pensamentos obsessivos que geram muita ansiedade e angústia. O tratamento é possível com medicamentos e psicoterapia.

Agenda:
Palestra gratuita sobre “Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC)”
Data: 4 de maio (segunda-feira) / Horário: 20h
Local: Associação Médica de Minas Gerais (Av. João Pinheiro, 161- Centro).
Informações: (31) 3491-0651
ENTRADA: um quilo de alimento não perecível

Soraya Hissa de Carvalho é especialista em endocrinologia e metabologia, geriatria e reabilitação, psiquiatria, medicina tradicional chinesa, medicina ortomolecular, medicina psicossomática, psicooncologia e tanatologia, neurociência e comportamento, suicidologia e psicanálise.

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação:
Liège Camargos e Marianna Moreira
(31) 3225-1116 / 3221-9241/ 8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br

Marianna Moreira
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3225-1116 - (31) 3221-9241 - (31) 8788-0443
imprensa@amplacomunicacao.com.br

Internet, Mobilidade e Conectividade

"Internet, Mobilidade e Conectividade" é o tema de Maio do Projeto Estação Pátio Savassi

Observa-se que cada vez mais a internet e as novas tecnologias de comunicação vêm proporcionando mudanças no mundo contemporâneo. Hoje, as pessoas estão cada vez mais conectadas, o que tem provocado uma aceleração nas nossas vidas. Isto tem alterado nosso comportamento social, nossa forma de consumir, nossa forma de criar e nossa forma de pensar. Quais os riscos para nossa imagem e reputação? Como o uso da internet altera os hábitos de consumo? Como podemos criar num ambiente hipermídia? Quais as formas de relacionamento sociais que podemos estabelecer? Quais os impactos destas redes para o mundo dos artistas, dos políticos e da sociedade em geral?


Estas e outras questões serão esclarecidas e debatidas nos encontros promovidos pelo projeto Estação Pátio Savassi, que tem como tema no mês de maio “Quero saber sobre internet, mobilidade e conectividade”. As palestras são gratuitas, aos sábados, a partir das 11h e neste mês, os encontros voltam a acontecer no anfiteatro (L2) do Pátio Savassi (Av. do Contorno, 6061 Savassi).

Iniciando o mês, no dia 9 de maio, o tema “Direito, imagem, reputação e internet” será abordado na palestra do advogado Alexandre Atheniense, especialista em Direito de Internet. No dia 16, o bate-papo com o público será sobre “A internet e seu usuário”, com a Mestre em Hypermedia e sócia-diretora da Fhios Brasil, responsável pelas áreas de Pesquisa e Design Centrados no Usuário, Joana Andrade e a Mestre em Ciência da Informação, Camila Mantovani. Já no dia 23, o tema será “Imaginação Digital”, conduzido pelo sócio-diretor da Ciclope (ateliê de arte digital), Álvaro Andrade Garcia. E para fechar o mês, no dia 30, o projeto apresenta a palestra “As redes sociais”, com o Designer e Diretor de Criação da Bolt Brasil, Alexandre Estanislau.

O projeto do Shopping Pátio Savassi com curadoria da Estação do Saber recebe, semanalmente, intelectuais, escritores e profissionais renomados para palestras gratuitas e bate-papos com o público no anfiteatro do shopping.

Seguindo estas tendências, as discussões das palestras não se limitam aos encontros aos sábados, elas continuam no ambiente virtual, através do fórum do site (www.estacaodosaber.art.br), ou através do Twitter (Julia Ramalho Pinto arpjulia@twitter.com), onde serão postadas frases e comentários, buscando redes sociais que discutam temas relativos a cultura, ou ainda, a participação poderá ser através de e-mails. Com isso, é cada vez maior o número de pessoas integradas nos assuntos abordados, ampliando o alcance dos temas debatidos sobre o mundo contemporâneo.

Agenda: “ESTAÇÃO PÁTIO SAVASSI”
Datas: 9, 16, 23 e 30 de maio de 2009, sábados // Horário: 11h
Local: Pátio Savassi – Av. do Contorno, 6061 Savassi - Entrada Franca
SAC Pátio Savassi: (31) 3263-8500

Informações para a imprensa:
Estação do Saber: Ampla Soluções em Comunicação
Liège Camargos / Rachel Wardi
(31) 3225-1116/3221-9241/8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br
www.amplacomunicacao.com.br

Pátio Savassi: Hipertexto Comunicação Empresarial
Cilene Impelizieri – (31) 3227-4566/3223-5137
hipertexto@hipertextoweb.com.br
www.hipertextoweb.com.br

Rachel Wardi Lopez
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3221-9241 - (31) 3225-1116 - (31) 8854-2425
rachel@amplacomunicacao.com.br

Fundação Fé e Alegria do Brasil Sub-Regional MG - Processo Seletivo

Fundação Fé e Alegria do Brasil Sub-Regional MG

Processo Seletivo

A Fundação Fé e Alegria é um Movimento de Educação Popular Integral e Promoção Social que desenvolve ações sociais e educativas no Brasil em vários países da América Latina.
Para dar continuidade ao Projeto de Mobilização de Recursos, a Fundação Fé e Alegria está em processo seletivo para a contratação de um Captador de Recursos em Minas Gerais.

Função: Captador de Recursos
Jornada de Trabalho: 30 h/s semanais (horário flexível)
Salário: R$ 1.554,52 mensais
Local de trabalho: Belo Horizonte e Santa Luzia/MG
Benefício: Vale-transporte / Início imediato

Requisitos básicos:
- Ensino Superior Completo;
- Experiência de trabalho no Terceiro Setor;
- Conhecimentos sobre Mobilização de Recursos;
- Sensibilidade em relação às questões sociais e educativas;
- Espírito de liderança e boa capacidade de se relacionar em equipe;
- Disponibilidade para viagens esporádicas.
- Capacidade para desenvolver ações comunitárias em projetos populares;

Atividades específicas da função:
- Planejar e desenvolver o Plano de Captação de Recursos de Fé e Alegria em Minas Gerais;
- Elaborar projetos para a capacitação de recursos, adequando-os às exigências dos financiadores;
- Propor, monitorar e implementar planos operacionais para o desenvolvimento das diversas estratégias de captação;
- Estruturar e implementar as ações/iniciativas de comunicação necessárias ao desenvolvimento das estratégias de captação de recursos;
- Estabelecer contatos com empresas fornecedoras para doações e subvenções visando captar novos recursos;
- Construir uma rede de apoio voluntário que viabilize o desenvolvimento das ações de comunicação, inclusive as ações de promoção institucional;
- Participar e assessorar (no aspecto da mobilização de recursos) o planejamento estratégico/operativo do Sub-Regional e Nacional;
- Construir e manter uma rede de relacionamento que contribua para a mobilização de recursos;

Os interessados devem enviar o currículum vitae e uma carta de apresentação pessoal para o e-mail: mg@fealegria.org.br até o dia 27 de abril de 2009.
Após a avaliação de curriculum, entraremos em contato para a segunda fase da seleção.
Os selecionados devem ter disponibilidade para contratação imediata e participar do III Encontro Nacional de Mobilização de Recursos de Fé e Alegria em São Paulo de 04 a 08 de maio.

Wanderlay Alves Balsamão
Coordenador de Fé e Alegria em Minas Gerais

UNICAMP - Inscrições Para Pedidos de Isenção da Taxa do Vestibular

UNICAMP abre no dia 23 de abril A 22 DE MAIO as inscrições para o pedido de Isenção da taxa de inscrição do Vestibular UNICAMP 2010.

UNICAMP

abre, dia 23 de abril, o período para pedir a Isenção da Taxa de Inscrição do Vestibular 2010

Edital da Isenção 2010 A comissão Permanente para os Vestibulares da UNICAMP abre no dia 23 de abril as inscrições para o pedido de Isenção da taxa de inscrição do Vestibular UNICAMP 2010.

As inscrições devem ser realizadas até dia 22 de maio, exclusivamente pela internet, nesta página.

Para finalizar o processo de inscrição, o candidato deve enviar a documentação necessária (descrita no Edital) pelo correio para a COMVEST até o dia 30 de maio.
A falta de qualquer documento e/ou o envio após o prazo excluem o candidato do processo.
Para quem achar conveniente, a COMVEST disponibilizará em seu prédio computadores com acesso à internet para que os candidatos efetuem a inscrição.

As isenções da Taxa de Inscrição do Vestibular da UNICAMP são oferecidas em três modalidades:

1- para candidatos provenientes de família de baixa renda (renda líquida máxima de R$500,00 por morador do domicílio);

2- funcionários da UNICAMP/FUNCAMP;

3- para aqueles que se candidatarem
aos cursos de Licenciatura em período noturno
(Ciências Biológicas, Física, Letras, Licenciatura Integrada Química/Física, Matemática e Pedagogia).

Os pré-requisitos para todas as modalidades são:
ter cursado integralmente o ensino fundamental e médio em escolas da rede pública, ser residente e domiciliado no Estado de São Paulo e já ter concluído ou concluir em 2009 o ensino médio.

A COMVEST oferece
6.620 isenções na modalidade 1
100 na modalidade 2
1 número ilimitado de isenções na modalidade 3

A lista dos estudantes contemplados com a isenção
será divulgada dia 17 de agosto.
Também a partir desta data, os contemplados começam a receber - via correio eletrônico – um comunicado de que foram beneficiados.
Importante:
os contemplados não são automaticamente inscritos no Vestibular UNICAMP 2010.
É preciso, posteriormente, fazer a inscrição no Vestibular, usando o código de isento fornecido pela COMVEST.

Isenções no ano passado

No Vestibular 2009,
5.728 candidatos que pediram a Isenção e preencheram os requisitos necessários para receber o benefício foram isentos de pagar a taxa de inscrição.
A COMVEST recebeu 7.575 pedidos. Todos os solicitantes que cumpriram os requisitos do programa foram beneficiados.
O programa de isenção do Vestibular Nacional da UNICAMP é parte do Programa de Ação Afirmativa e Inclusão Social (PAAIS), que prevê que estudantes que tenham cursado todo o ensino médio na rede pública brasileira recebam 30 pontos a mais na nota final da segunda fase.
Candidatos autodeclarados pretos, pardos e indígenas que tenham cursado o ensino médio em escolas públicas também têm, além dos 30 pontos adicionais, mais dez pontos acrescidos à nota final.
A participação no PAAIS é opcional e deve ser indicada no formulário de inscrição.

http://www..comvest.unicamp.br/vest2010/isencao/divulga.html

Isis Oliveira Cunha
MSN:
cunha_isis@hotmail.com
telefone: 31 8874 7262

Documento de Referência Novo Enem e Sistema Seleção Unificada - Mudança Vestibulares Públicos

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

TERMO DE REFERÊNCIA.
NOVO ENEM E SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA

I. NOVO ENEM. POSSIBILIDADES DE UTILIZAÇÃO PARA SELEÇÃO DE INGRESSANTES NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

1. A modificação do formato do Exame Nacional do Ensino Médio (novo ENEM) --- com a realização das provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (incluindo redação); Ciências Humanas e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias, e Matemática e suas Tecnologias --- e a consequente valorização dos conteúdos acadêmicos próprios do ensino médio, gera a possibilidade de utilização dos resultados desse exame para a seleção dos ingressantes no ensino superior. A opção pela utilização do novo ENEM não implica abdicar de outros mecanismos de seleção, tais como o programa de avaliação seriada para vagas previamente definidas --- tais como as “vagas PAS”, por exemplo --- observado, naturalmente, o total de vagas regularmente oferecidas pela Instituição de Educação Superior (IES).

2. Essa utilização pode se dar de duas formas. A primeira, mediante simples informação, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira- Inep, à IES, dos boletins de resultados dos candidatos que tiverem realizado o novo ENEM, adotado como prova de seleção com base em Edital próprio publicado pela IES, facultando-se sua utilização como fase única ou primeira fase do processo seletivo.

3. A segunda forma de utilização do novo ENEM consiste na adesão ao Sistema de Seleção Unificada, sistema informatizado do Ministério da Educação apto a processar o registro das vagas especificamente oferecidas pelas IES (“vagas ENEM”), em confronto com as listas ordenadas de candidatos, em ordem decrescente, por curso, segundo a pontuação no Exame. O pressuposto da adesão ao Sistema de Seleção Unificado é a utilização do novo ENEM como fase única, sem prejuízo de eventual realização de exame de aptidão para áreas específicas (desde que esse se dê em tempo compatível com o calendário da primeira e segunda chamadas do Sistema de Seleção Unificado).

II- O SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA

4. O Sistema de Seleção Unificada (informatizado, nos moldes do SISProUni, sistema eletrônico pelo qual são processadas as inscrições do Programa Universidade para Todos-Prouni, desde 2005), será colocado à disposição das instituições de ensino superior pelo Ministério da Educação (MEC), para o processamento da seleção ao ensino superior, com base no novo ENEM, exclusivamente pela internet.

5. O acesso das instituições a esse sistema será efetuado com a utilização de certificados digitais, emitidos no âmbito da Infra-estrutura de Chaves Públicas Brasileira - ICP-Brasil.

6. O sistema possuirá interface com o cadastro de informações da educação superior do Ministério da Educação.

III – REALIZAÇÃO DO EXAME PELO ESTUDANTE

7. Para concorrer pelo Sistema de Seleção Unificada, o estudante deverá realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (novo ENEM), observando os procedimentos próprios de inscrição.

8. A seleção dos candidatos no Sistema de Seleção Unificada de 2010 será realizada com base nas notas obtidas pelos estudantes na edição do novo ENEM de 2009.

IV - ADESÃO DAS INSTITUIÇÕES E OFERTA DE VAGAS

9. As instituições interessadas efetuarão sua adesão ao Sistema de Seleção Unificada, mediante a assinatura digital de um Termo, que deverá ser aditado a cada processo seletivo, para que a IES lance informações atualizadas sobre cursos e vagas oferecidas no Sistema. O Termo de Adesão deverá ser emitido separadamente para cada campus ou unidade educacional da IES.

10. Os cursos, habilitações e turnos de cada campus ou unidade educacional, constante do cadastro de informações da educação superior do MEC, serão carregados para o Sistema de Seleção Unificada, de modo que a IES confirme o número de vagas em oferta pelo Sistema. Nessa ocasião, a IES poderá indicar pesos diferentes para cada uma das cinco provas (Linguagem, Matemática, Ciências da Natureza, Ciências da Sociedade e Redação), a serem ponderados para cada curso.

11. No Termo também deverá ser informada eventual adoção de política afirmativa por parte da IES.

12. O Sistema de Seleção Unificada fará o processamento das informações, disponibilizando as vagas para inscrição dos candidatos, segmentadas, se for o caso, em vagas para as políticas afirmativas e para a ampla concorrência.

V - INSCRIÇÃO DOS CANDIDATOS

13. O processo de inscrição será realizado pelo estudante exclusivamente pela internet, mediante acesso por meio de login e senha.

14. Na tela inicial da inscrição, o candidato informa seu CPF e número de inscrição no novo ENEM. Automaticamente, serão carregadas da base de dados do Inep/ENEM informações cadastrais do estudante (nome, nome da mãe, data de nascimento, sexo, endereço), assim como as notas obtidas no exame. As notas das provas de redação e das provas específicas serão informadas separadamente.

15. O candidato optará por concorrer utilizando-se de política afirmativa eventualmente existente ou pela ampla concorrência, podendo escolher até cinco opções de cursos e instituições de sua preferência, independentemente do local de sua residência. Não é necessário haver vinculação entre as opções, de modo que o candidato poderá escolher cursos diferentes em instituições distintas.

16. O processo de inscrição apresenta as seguintes funcionalidades para o candidato:

a. Divulgação das vagas ofertadas em cada curso de cada campus ou unidade educacional da IES, de forma que o candidato possa visualizar as opções disponíveis antes de iniciar sua inscrição;

b. Divulgação das notas de corte em cada curso. Essas notas serão atualizadas diariamente, conforme as inscrições dos candidatos. Por meio desta funcionalidade, o candidato poderá visualizar a nota do último candidato selecionado dentro do número de vagas ofertadas e comparar com a sua, de forma a saber se esta nota será suficiente para obter a vaga, antes mesmo de efetuar sua inscrição;

c. Possibilidade de alteração das suas opções a qualquer tempo e quantas vezes julgar necessário, até o encerramento do prazo das inscrições. Cada candidato poderá, assim, acompanhar as notas de corte e rever suas opções, de forma a alterá-las, aumentando suas possibilidades de seleção.

17. Trata-se, portanto, de processo de seleção dinâmico, que permite simular a posição relativa do candidato, com base na nota do Exame, em cada um dos cursos oferecidos pelas IES aderentes.

18. Encerradas as inscrições, o Sistema de Seleção Unificada, com base nas vagas disponibilizadas, nas notas do Exame e nas opções dos estudantes, gerará os resultados, consubstanciados em uma lista de selecionados por curso, ordenada mediante classificação decrescente das notas do novo ENEM.

VI – SELEÇÃO DOS CANDIDATOS

19. Os candidatos serão selecionados em apenas uma das opções de curso/instituição, observada a nota do novo ENEM, a ordem escolhida por ocasião da inscrição, bem como o limite de vagas disponíveis.

20. No caso de notas idênticas, o desempate será determinado de acordo com a seguinte ordem de critérios: i) maior nota na prova de Linguagens e Códigos e suas Tecnologias; ii) maior nota na prova de Matemática e suas Tecnologias; iii) maior idade do candidato.

21. O Sistema de Seleção Unificada realizará duas chamadas.

22. A seleção em primeira e segunda chamadas será efetuada observando-se a seguinte ordem:

i. seleção em primeira chamada dos candidatos inscritos para as vagas destinadas às políticas afirmativas;

ii. realocação para a ampla concorrência das vagas destinadas às políticas afirmativas, para as quais não houve candidatos selecionados em primeira chamada;

iii. seleção, em primeira chamada, dos demais candidatos inscritos;

iv. seleção, em segunda chamada, quando houver disponibilidade de vagas não preenchidas na primeira chamada.

23. Os resultados serão divulgados simultaneamente pelos seguintes meios:

i. Internet (Sítio do Ministério da Educação);

ii. Central de Atendimento do MEC;

iii. Instituições de Ensino Superior participantes.

VII – EMISSÃO DO TERMO DE MATRÍCULA

24. Após a divulgação do resultado da primeira chamada, os estudantes selecionados deverão se dirigir à IES com os documentos necessários para efetivar sua matrícula, segundo calendário do Sistema de Seleção Unificada.

25. Na IES, um responsável previamente designado deverá conferir os documentos apresentados pelo estudante, acessar o sistema e emitir o Termo de Matrícula, que deverá ser assinado pelo estudante e digitalmente por esse funcionário.

26. A não emissão do Termo de Matrícula no prazo fixado implicará na disponibilização da vaga para a segunda chamada.

27. Após a segunda chamada, o preenchimento de eventuais vagas remanescentes será feito pela IES, com base em lista informada pelo sistema.

VIII- CALENDÁRIO PREVISTO

28. O calendário previsto para a realização da prova é 3 e 4 de outubro de 2009. A divulgação dos resultados das quatro provas de múltipla escolha ocorrerá em 4 de dezembro de 2009 e a divulgação do resultado final, incluindo a redação, em 8 de janeiro de 2010.

Brasília, 08 de abril de 2009.

Recursos Para Projetos

Recursos existem para seus projetos. E são muitos. A DEARO pesquisa e leva a informação até você!

-
Política de Patrocínio da TAM - A TAM patrocina projetos culturais e esportivos que não estejam em leis de incentivo, você sabia?

-
O Fundo do Canadá apóia financeiramente projetos e está com edital aberto até dia 30 de abril.

-
Recursos a fundo perdido do BNDES para projetos sociais apóia projetos em várias áreas.

-
Fundo Nacional de Solidariedade da Campanha da Fraternidade apóia projetos sociais de ONGs.

-
O Fundo de Defesa dos Direitos Difusos do Ministério da Justiça está com inscrições abertas para recebimento de projetos que necessitam de apoio.

- Rio de Janeiro recebe em 2009 a Oficina de Captação de Recursos da DEARO dias 27, 28 e 29 de abril. Curso completo voltado à ONGs e Projetos.
Últimas vagas!

- Dia 25 de abril começa a III Turma ON-LINE do curso Formação de Captadores de Recursos e Consultores de Captação de Recursos 2009. Inscrições no
em CURSOS.

- Seu projeto está aprovado no ProAC? A DEARO está em busca de projetos sociais e culturais apoiados na Lei de Incentivo do ICMS. Entre em contato pelo
dearo@dearo.com.br

- Não sabe se o seu projeto é captável? Quais fontes de recursos são potenciais à ele? A DEARO oferece o serviço de AVALIAÇÃO DE PROJETOS. Solicite informações em nosso
Site

Programa de Isenção da Taxa de Inscrição ao Vestibular UFMG 2010

Programa de Isenção da Taxa de Inscrição ao Vestibular UFMG 2010

Para se inscrever no Programa de Isenção, o Candidato deverá:

- acessar, somente pela Internet, no período de 22 de abril a 11 de maio de 2009, o endereço
www.ufmg.br/copeve e responder a todas as questões do Formulário Socioeconômico nele contido;

Atenção: No último dia de inscrição ao Programa de Isenção – ou seja, dia 11 de maio de 2009 –, o link para a inscrição na página da Copeve (
www.ufmg.br/copeve) estará disponível somente até às 19 horas

- imprimir, ao final do preenchimento desse Formulário, o endereço do destinatário e o endereço do remetente e colá-los, respectivamente, na frente e no verso de um envelope tamanho ofício, e preencher devidamente os dados do remetente;
- imprimir o Comprovante de Inscrição e guardá-lo cuidadosamente;
- estar ciente de que os dados contidos nesse Comprovante de Inscrição deverão ser utilizados, posteriormente, para permitir o acesso, também pela Internet, ao resultado do seu pedido;
- providenciar fotocópias de toda a documentação comprobatória necessária,de acordo com a situação familiar do interessado, e acondicioná-las noenvelope tamanho ofício já preparado e endereçado;
- postar o envelope com a documentação comprobatória necessária em qualquer agência dos Correios, até, no máximo, o dia 13 de maio de 2009;
- guardar, cuidadosamente, o Comprovante de Postagem, que lhe será entregue pelo Agente dos Correios e poderá servir, se necessário, para comprovar o correto encaminhamento da documentação, sem a qual nenhuma Inscrição será efetivada.

Para o Candidato que não dispuser de computador e/ou de acesso à Internet, durante o período de inscrição previsto – ou seja, de 22 de abril a 11 de maio de 2009 –, haverá postos de atendimento disponibilizados para esse fim, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h30, no Centro Cultural da UFMG, na Avenida Santos Dumont, 174, Centro – Belo Horizonte/MG, e, também, na sede da Copeve/UFMG, na Avenida Presidente

Antônio Carlos, 6.627, Pampulha – Unidade Administrativa III, 2º andar – Campus

O Edital do Programa de Isenção será divulgado nos próximos dias.
Belo Horizonte, 01 de abril de 2009.
Comissão Permanente do Vestibular (Copeve)

MOVIMENTO DOS SEM UNIVERSIDADE - MG
Blog:
www.msu-minas.blogspot.com
E-mail:
msuminas@gmail.com
Endereço: Av. Andradas 1º Andar Sala 268,Centro, Belo Horizonte-MG
Horário: 19h às 22h
Telefones: 9745-2996 / 8827-2961 / 8896-6638

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Rock Norte Mineiro


Clique na imagem

Culinária Espanhola ensinado em Atelier Culinário

Clássico da culinária espanhola é ensinado em atelier culinário

Um dos mais tradicionais pratos da diversificada gastronomia espanhola, a Paella, é também o mais popular entre as criações culinárias vindas da Espanha. Com origem na região de Valência, onde se proliferavam arrozais, plantações e era comum o costume de se criar galinhas e coelhos, a Paella não é mais do que a junção desses saborosos ingredientes.

Mas, ainda existem variações do prato, como a Paella de mariscos, que é feita com arroz e frutos do mar, como os chocos, calamares, mexilhões, gambas, lagostins, lagosta, amêijoa, temperada com alho, azeite, tomate, colorau e açafrão.

Para ensinar todos os truques desse prato que dá água na boca, o chef André Paganini ministra o curso “Paella Valenciana” no Cida Gomes Atelier Culinário, no dia 30 de abril, quinta-feira, às 19h.

Segundo Cida Gomes, Personal Chef e proprietária do atelier, o prato espanhol é uma boa opção para jantares especiais e em família. “A Paella Valenciana é um clássico da culinária espanhola e mundial. Se a opção é fazer um prato para impressionar os convidados, essa é uma ótima escolha”, afirma Cida.

André Paganini é formado pelo Senac como cozinheiro profissional. Ele foi sushiman no Restaurante Sushi Thay, Chef da Cozinha do Restaurante Café com Letras – Chevals e atualmente é Chef Executivo do Sesi, atuando na Cemig.

O Cida Gomes Atelier Culinário fica na Rua do Ouro, 696 - Serra. As inscrições serão aceitas mediante pagamento antecipado de 50% (cinqüenta) do valor do curso. O Atelier conta com segurança nas aulas da noite para vigiar os carros e acompanhar os alunos até seus veículos e oferece descontos aos filiados a FENCOM (Federação Nacional das Cooperativas Médicas), SINDI - MP (Sindicato dos Promotores e Procuradores de Justiça do Estado de Minas Gerais), UNAFISCO - MG (União Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal), Clube de Assinantes do Jornal Estado de Minas, Clube de Assinantes do Jornal o Tempo e Rede Fideliza. O Atelier ainda oferece desconto para associados e funcionários da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), exceto para os cursos ministrados por chefs convidados.

ROTEIRO GASTRONOMIA : Curso “Paella Velenciana”,
Data : 30 de abril (quinta-feira) // Horário : 19h
Contatos : (31) 3086-2182// Preço : 95 reais
Local: Cida Gomes Atelier Culinário - Rua do Ouro, 696 - Serra – BH/MG

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação:
Liège Camargos e Marianna Moreira
(31) 3225 - 1116/3221 - 9241/8899 - 0353
ampla@amplacomunicacao.com.br
www.amplacomunicacao.com.br

Marianna Moreira
Ampla Soluções em Comunicação
Rua Juiz da Costa Val, 157 / sala 13 - Santa Efigênia
(31) 3225-1116 - (31) 3221-9241 - (31) 8788-0443
imprensa@amplacomunicacao.com.br